Marcos questiona o não pagamento da 5ª parcela do fundo rotativo às Escolas


FOTO:CMC

Em resposta ao Pedido de Informação do vereador Marcos Vieira, a Prefeitura de Curitiba informou que as escolas municipais não receberão o pagamento da 5ª parcela do fundo rotativo que deveria ser pago no mês de dezembro.

O fundo rotativo é um programa municipal que repassa recursos diretamente para os diretores das escolas contratarem serviços de manutenção e pequenos reparos, além da compra de materiais relacionados à atividade educacional e administração dos espaços.

“Se já foi difícil fechar as contas neste fim de ano, como será o início do próximo ano? As escolas estão tendo que buscar alternativas, como festas, apoio do comércio local e auxílio dos pais para dar conta de tudo”, contestou o vereador Marcos Vieira.

A prefeitura, em sua resposta oficial, alegou não haver disponibilidade orçamentária e financeira para o momento, alegando já ter disponibilizado o valor total previsto após o ajuste fiscal.

#Destaque

13 visualizações0 comentário