Marcos Vieira na defesa de curso técnico de Meio Ambiente oferecido em área de proteção ambiental


FOTO: Carlos Costa/CMC


Foi aprovada nesta terça-feira, 05, na Câmara Municipal de Curitiba a moção de apoio do vereador Marcos Vieira (PDT) aos pais, professores e alunos do curso técnico de Meio Ambiente do CEEP Newton Freire Maia, em Pinhais, que lutam contra a extinção do curso anunciada pela Secretaria de Educação do Paraná em setembro deste ano.


A decisão, que pegou todo o corpo docente e discente de surpresa, foi justificada pela Secretaria de Educação como um "corte de gastos desnecessários", alegando-se a baixa empregabilidade dos profissionais formados no curso, o que revoltou toda a instituição pelo impacto que a oferta desta formação promove na região, reunindo mais de 140 alunos de 11 diferentes municípios: Pinhais, onde está localizado; Colombo; Quatro Barras; Campina Grande do Sul; Piraquara; Cerro Azul; Adrianópolis; Bocaiúva do Sul; Doutor Ulysses; Tunas do Paraná e Curitiba. Além de o Colégio estar localizado em uma Área de Proteção Ambiental - APA, o que justificou a fundação do curso em 2006, o primeiro curso técnico da instituição.


Procurado por pais e professores, o vereador Marcos Vieira se somou à frente ampla da sociedade em defesa da manutenção do curso e, além da moção de apoio já aprovada, participou em reunião com a Secretaria de Educação que se comprometeu em construir alternativas. Entretanto, o que pede a sociedade é pela manutenção do curso. Vieira declarou que seguirá acompanhando a pauta e ampliando o debate em nível estadual com demais lideranças em defesa da continuidade desta formação.


"Vivemos um dos piores momentos de crise ambiental, deixar de formar profissionais que daqui 5, 10, 20 anos estarão na frente desta luta, pela preservação da vida e da nossa espécie, é contribuir ainda mais para a degradação que já vivemos. É sim uma carreira essencial, de forma alguma é um gasto desnecessário como alegou a Secretaria de Educação do Estado. Investir em profissionais que cuidarão do nosso Meio Ambiente é investir na garantia da nossa existência", afirmou o vereador.


Pala ler a Moção de Apoio aprovada em Curitiba, clique aqui.




3 visualizações0 comentário