Marcos se posiciona contra o fechamento da UPA Pinheirinho


FOTO: CMC

Na noite desta terça-feira, 23, o vereador Marcos Vieira participou de reunião com moradores e lideranças do bairro Pinheirinho com representantes da prefeitura e declarou ser contrário ao fechamento da UPA da região, que a partir de dezembro irá dar lugar a uma Unidade de Estabilização para emergências psiquiátricas.

Segundo ele, não se pode resolver um problema criando outro, deixando uma parte da população desatendida. Ainda, contrapôs uma das justificativas que afirma que a decisão na descontinuidade do funcionamento da UPA é pela falta de outros espaços e até terrenos para a implantação do novo equipamento público.

"Temos como exemplo um terreno de quase 4mil metros quadrados no Bairro Novo que está em processo de permuta por outros 3 na linha verde. Terreno este que poderia abrigar um equipamento público deste porte. Fora os barracões sem utilização que existem pela cidade", rebateu o vereador.

A população realizou uma manifestação contrária a decisão do prefeito em frente ao espaço na tarde de ontem.

Assunto é debatido também na Câmara

Nesta quarta-feira, 24, Marcos Vieira trouxe o assunto também para a Câmara de Vereadores reforçando o seu posicionamento contrário ao fechamento da Unidade. "Não se pode desvestir um santo para vestir outro", ponderou.

#Destaque

4 visualizações0 comentário